Associação dos Microempresários da Orla Marítima de João Pessoa busca fortalecer potencial turístico com reordenação dos quiosques da praia 

João Pessoa tem se destacado como destino promissor para investimentos à beira-mar e pé na areia. Com um clima ensolarado durante todo o ano, a cidade oferece uma variedade de programações que permitem aos turistas e moradores desfrutar das belas praias urbanas da região de forma excepcional. Nesse contexto próspero, a Ameomar – Associação dos Microempresários da Orla Marítima de João Pessoa volta a se reunir com o poder público com o objetivo de reordenar e regularizar dos quiosques de Tambaú e Cabo Branco. “É um passo importante na busca por soluções que melhorem a situação dos quiosques e promovam um ambiente mais favorável para os empresários e a comunidade”, destaca João Ramalho Brunet, vice-presidente da associação.

Nesta reunião, estiveram presentes, o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena;  a promotora do Ministério Público, Cláudia Cabral; o secretário de Desenvolvimento Urbano, Fábio Carneiro; o secretário do Meio Ambiente, Welisson Silveira; o Secretário de Planejamento, José Williams; e o procurador-Geral do Município, Bruno Nóbrega. Um segundo encontro foi realizado na sequência com a presença também dos vereadores Bruno Farias, Odon Bezerra e o advogado da associação, Gervásio Farias. “Estamos extremamente satisfeitos com os resultados. Foi um momento de grande colaboração e conciliação, no qual todos os presentes demonstraram um comprometimento claro em encontrar soluções efetivas para aprimorar a situação dos quiosques e beneficiar tanto os empresários quanto a comunidade em geral”, afirma João Ramalho Brunet.

Criada em 2021, a Ameomar reconhece a relevância dos quiosques para a economia local, uma vez que geram aproximadamente 1500 empregos diretos e 2000 empregos indiretos. Além disso, esses estabelecimentos desempenham um papel crucial no atendimento aos turistas, oferecendo opções gastronômicas de qualidade e entretenimento. “A manutenção e melhorias desses equipamentos é de suma importância para a economia local pois emprega uma cadeia que vai desde empregos formais a distribuição de insumos a quase 100 estabelecimentos”, comenta. 

Os próximos passos, segundo João, envolvem a apresentação de um projeto sólido ao município, abordando as necessidades técnicas, estruturais e de ordenamento estético dos quiosques. Esse projeto será analisado pelas secretarias competentes, em conformidade com as normas estabelecidas pelo Ministério Público, como solicitado pelo Prefeito. 

Para conhecer melhor a Ameomar, o perfil do Instagram é @ameomar .

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Telegram
Email
X
LinkedIn

Deixe um comentário

Área reservada para anuncio

378 x 296
🎙️MinutoCast