CulturaNews

Funjope divulga resultado da análise de recursos dos editais

Reunião

A Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) divulgou, nesta segunda-feira (6), o resultado da análise de recursos dos editais da Lei Paulo Gustavo (LPG). A próxima fase, da heteroidentificação, ocorre para o edital ‘O Novíssimo Cinema Parahybano’, nesta terça-feira (7), analisando os casos que venham a ser contestados em termos de etnia negra. Para as demais áreas, a heteroidentificação será após a análise de mérito, cujo resultado vai ser divulgado na segunda-feira (13) para ambos os editais.  

“Nós ficamos muito contentes com o resultado dessa fase do processo da Lei Paulo Gustavo. Tivemos 959 projetos inscritos e, nesta fase, temos 643 projetos artístico-culturais habilitados para a fase seguinte, que é a análise de mérito. Isso mostra um volume muito bom de projetos e mostra que as comunidades de artistas e profissionais de cultura aderiram à Lei Paulo Gustavo e se qualificaram para uma disputa de recursos que só nos valoriza. Isso é significativo para a Funjope”, declarou o diretor executivo da Fundação, Marcus Alves.  

Agora, a equipe qualificada, isenta, está trabalhando na análise de mérito totalmente feita a partir dos méritos dos proponentes, dos projetos, de forma que seja possível, com tranquilidade, pagar os projetos aprovados, conforme determina a LPG, no mês de dezembro.  

“Eu só tenho a agradecer, não apenas à comunidade de artistas e profissionais da cultura de João Pessoa, que entendeu a nossa linha de trabalho, e também à equipe da Funjope que tem se dedicado diuturnamente para esse movimento dos editais”, acrescentou.  

O resultado e o cronograma para os editais do audiovisual e demais áreas da cultura estão nos links a seguir, respectivamente, https://transparencia.joaopessoa.pb.gov.br/#/licitacoes?id=8534 e https://transparencia.joaopessoa.pb.gov.br/#/licitacoes?id=8532

Ao todo, foram inscritos 959 projetos nos dois editais. A previsão inicial para divulgação do resultado final é 6 de novembro. Até dezembro os recursos serão transferidos para os selecionados. João Pessoa conta com quase R$ 7 milhões – exatos R$ 6.955.000 milhões – em recursos federais para investimento na cultura.  

Desde o início do processo, ainda na fase de inscrições, a Funjope auxiliou os candidatos realizando uma série de debates com grupos de artistas nos pólos e nas comunidades de Cruz das Armas, Tambiá, Colinas do Sul, Tambauzinho, Mangabeira. Roger, Porto do Capim, Muçumagro, São José, São Luiz, Citex, Ernani Sátiro e Esplanada. Além disso, realizou uma reunião virtual. O objetivo desse trabalho foi dar orientações e capacitar os artistas.  

PMJP

Ana Celia Macedo
Ana Célia Macêdo é bacharela em Comunicação Social, com habilitação em jornalismo, pela Uninassau João Pessoa (PB) e Teóloga pela Faculdade Internacional Cidade Viva (PB). É membro da Abrajet e da API. Por sete anos foi editora do site de Comunicação para o Turismo e revista O Concierge. Também idealizou e produziu o Fórum Estratégias Inteligentes para um Turismo Ágil (Eita). Ana Célia, adora contar histórias, viajar e escrever sobre suas experiências de viagens dentro e fora do Brasil e por causa disso criou o blog Minuto Turismo, onde também escreve sobre sustentabilidade, economia criativa, produção associada ao Turismo e sua cadeia produtiva. Simultaneamente, a jornalista atua como assessora de imprensa, bem como desempenha atividades de produção intelectual. Ela é pesquisadora no campo da inovação para o Turismo, seu projeto Guias de Turismo em Rede, foi selecionado para participar do Incoday, junto a outras 13 ideias de projetos de pesquisa e desenvolvimento em colaboração, do Brasil e exterior. O Projeto, ou seja, a plataforma “We Guide” (Solução para contratação do serviço do guia de turismo), também foi selecionada para compor as 12 startups iniciais do Parque Tecnológico Horizontes de Inovação em João Pessoa na Paraíba. Contato: ana@minutoturismo.com.br

Deixe um comentário