CotidianoNews

Banco do Nordeste aplica R$ 80 milhões na Serra do Teixeira em 2023 e amplia crédito em 40% na região

Um levantamento feito pelo Banco do Nordeste na Paraíba indica que a atuação da instituição ampliou em 40% o montante do crédito ofertado em 2023 na Serra do Teixeira, em relação ao ano anterior. No total, foram R$ 80 milhões inseridos naquele território, que engloba 11 municípios encravados no Semiárido brasileiro

divulgação

As cidades que compõem a Serra do Teixeira são: Princesa Isabel, Teixeira, Tavares, Manaíra, Imaculada, Água Branca, Juru, Desterro, Cacimbas, Matureia e São José de Princesa. O aumento da demanda por crédito pelos empreendedores individuais e empresários da região contemplou, sobretudo, produtos financeiros para aquisições de equipamentos e reformas, além da implantação de sistemas de minigeração de energia elétrica fotovoltaica, com os recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE).

Exemplo de cliente da região ligado ao setor de avicultura de postura comercial, o empresário Rinaldo de Medeiros Francisco atua há mais de 30 anos no município de Princesa Isabel. E para empreender no contexto do semiárido, ele precisou conhecer e se adaptar ao clima, além de se modernizar para cumprir as regras de manejo e de qualidade. O crédito veio para que pudesse inserir novas tecnologias nos galpões que criam as aves.

Como resultado, os investimentos o colocam como o segundo maior produtor de ovos de galinha da Paraíba, com produção diária de 500 mil unidades. “Usando estratégia e sabendo empreender, é possível crescer e prosperar na região. Comecei com um ajudante há 30 anos e hoje são 250 colaboradores diretos. Acreditamos na inovação e adotamos modelos de galpões automatizados e climatizados, com Selo de Inspeção Federal (SIF), que nos permite comercializar em todo o Brasil”, destaca Rinaldo de Medeiros.

Em relação ao crescimento dos investimentos do BNB na Serra do Teixeira, o gerente executivo de Desenvolvimento Territorial, Izidro Soares, ressalta que um dos fatores que têm demandado a oferta de crédito para serviços naquele território é o turismo ecológico, bem como as ações executadas no âmbito do Programa de Desenvolvimento Territorial (Prodeter).

Em junho do ano passado, o Governo Federal decretou a criação do Parque Nacional da Serra do Teixeira, o primeiro parque nacional da Paraíba, numa área de 61.095 hectares, com predominância do bioma da caatinga. O local também abriga o Pico do Jabre, o ponto mais alto do estado e local que demanda serviços ao público de turistas.

BNB

Ana Celia Macedo
Ana Célia Macêdo é bacharela em Comunicação Social, com habilitação em jornalismo, pela Uninassau João Pessoa (PB) e Teóloga pela Faculdade Internacional Cidade Viva (PB). É membro da Abrajet e da API. Por sete anos foi editora do site de Comunicação para o Turismo e revista O Concierge. Também idealizou e produziu o Fórum Estratégias Inteligentes para um Turismo Ágil (Eita). Ana Célia, adora contar histórias, viajar e escrever sobre suas experiências de viagens dentro e fora do Brasil e por causa disso criou o blog Minuto Turismo, onde também escreve sobre sustentabilidade, economia criativa, produção associada ao Turismo e sua cadeia produtiva. Simultaneamente, a jornalista atua como assessora de imprensa, bem como desempenha atividades de produção intelectual. Ela é pesquisadora no campo da inovação para o Turismo, seu projeto Guias de Turismo em Rede, foi selecionado para participar do Incoday, junto a outras 13 ideias de projetos de pesquisa e desenvolvimento em colaboração, do Brasil e exterior. O Projeto, ou seja, a plataforma “We Guide” (Solução para contratação do serviço do guia de turismo), também foi selecionada para compor as 12 startups iniciais do Parque Tecnológico Horizontes de Inovação em João Pessoa na Paraíba. Contato: ana@minutoturismo.com.br

Deixe um comentário