NewsTurismo na Paraíba

Cabaceiras é capa de revista de circulação Nacional

Viagens e Destinos divulgação

A cidade de Cabaceiras, no interior da Paraíba, volta a ser manchete da mídia nacional com a publicação de uma reportagem especial sobre o seu potencial para a Sétima Arte, para o turismo de contemplação e também para o crescimento da economia local, com a realização da Festa do Bode Rei, mundialmente conhecida por ser a única com tantas peculiaridades e curiosidades.

A reportagem faz um passeio pela região, castigada pela seca severa, mas que, justamente por conta disso, se transformou na meca dos cineastas brasileiros, que fizeram da cidade um sete de grandes produções cinematográficas a exemplificar tão somente pelo ícone filme “Auto da Compadecida”, do escritor paraibano Ariano Suassuna. O filme se tornou um fenômeno de bilheteria e sucesso absoluto, em seguida, nas telinhas da Rede Globo, quando compactado em minissérie.

A reportagem foi publicada na revista Viagens e Destinos, assinada pelo jornalista Eduardo Andreassi, que esteve na Paraíba a convite da PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), que tem investido na mídia espontânea convidando jornalistas especializados em Turismo e que, por meio de suas matérias, ampliam o leque de público leitor.

“É uma ação feita em parceria com a iniciativa privada e colaboradores que tem surtido resultados fantásticos para a Paraíba. São textos que retratam o olhar de cada profissional e registros de fotos que aguçam o imaginário dos leitores, que se sentem incentivados em conhecer pessoalmente”, disse Ruth Avelino, presidente da PBTur.

E a combinação de texto e imagens de Eduardo Andreassi permitem ao leitor uma ideia da grandiosidade de Cabaceiras, que não se limita às telas dos cinemas mundo afora. A cidade retrata o cenário de perseverança do paraibano/nordestino, que busca no seu dia a dia sobreviver e, acima de tudo, sabendo explorar um pedaço da natureza que Deus deixou para que ele pudesse utilizar com inteligência e até ousadia.

Além de revelar diversos aspectos naturais, como uma imensa área no Lajedo de Pai Mateus – palco de dezenas de locações cinematográficas -, Eduardo Andreassi soube retratar perfeitamente os aspectos econômicos da região, citando que o lajedo “trata-se de uma imensa laje de rocha com 1.800m de largura por 6.000 metros de comprimento. É uma das três únicas formações deste tipo no mundo (as outras ficam na Austrália e em Nairobi).”

Cabaceiras, lembra o jornalista, é considerada a “Roliúde Nordestina” justamente por ter se transformado no set de cinema mais procurado nos últimos anos, além de ter sido cenário para produções de grandes grifes de moda e até pela fábrica de bicicletas Caloi, que postou em suas redes sociais uma foto belíssima de uma das rochas do Lajedo.

Eduardo Andreassi cita ainda que a cidade se notabilizou pela realização da Festa do Bode Rei, que rende homenagem a sua majestade e movimenta a economia da região todo mês de junho. “A criação de bode é a base da economia local. O bicho faz tanto sucesso na cidade que, olha só, tem até um monumento em homenagem ao bode. Bem no centro de Cabaceiras há uma oficina de couro de bode que já tem meio século de história. É tudo artesanal. Na Praça do Bode (Praça do Artesanato) o couro do bode vira arte pelas mãos de artesãos e são exportados para o mundo”, reforça o jornalista.

Mais informações e registros fotográficos os leitores podem conferir em uma banca digital: Ubook, Bancah, PressReader, Uol Leia+, GoRead, Claro e Tim Banca. É só acessar e degustar de um texto preciso, muito bem escrito e divertido.

Ana Celia Macedo
Bacharela em Comunicação Social, pela Uninassau João Pessoa (PB). É Jornalista especializada em Turismo e membro da Associação Brasileira de Jornalistas e Escritores de Turismo seccional Paraíba (Abrajet PB). Durante sete anos foi editora do site de Comunicação para o Turismo, O Concierge, por onde também lançou a revista com o mesmo nome e idealizou e produziu o Fórum Estratégias Inteligentes para um Turismo Ágil (Eita). Adora contar histórias, viajar e escrever sobre suas experiências de viagens dentro e fora do Brasil e por causa disso criou o blog Minuto Turismo, onde também escreve sobre economia criativa, produção associada ao Turismo e sua cadeia produtiva. Simultaneamente, Ana Célia atua como assessora de imprensa e de comunicação, bem como na produção intelectual, escrevendo textos para livros e revistas, blogs, sites, e-books, podcasts, spots, palestras, copy, cursos on-line, projetos e relatórios. Comprometida com a transformação social e espiritual do ser humano, ano passado, se tornou graduanda em Teologia na Faculdade Internacional Cidade Viva João Pessoa (PB). Contato: ana@minutoturismo.com.br

Deixe um comentário