CotidianoNews

Festival Paraibano de Brinquedos Populares pretende resgatar universo lúdico infantil

O artesão traduz em suas peças, os costumes, mitos, lendas e cenas do cotidiano local e a criança crescerá aprendendo, brincando e fortalecendo suas raízes.

divulgação

Por meio de brincadeiras, oficinas, histórias e contato das crianças com o artesão de sua terra, o Festival tem como objetivo trazer de volta as brincadeiras simples que despertam a criatividade e a coletividade. É uma iniciativa de parceria entre o Programa do Artesanato Paraibano do Governo do Estado da Paraíba (PAP), do Sebrae e do grupo Roberto Santiago. Acontece simultaneamente no Manaíra e no Mangabeira Shopping, de 1º a 17 de outubro das 10h às 22h

O brinquedo popular é um símbolo de resistência cultural já se que passa o “saber brincar” de geração em geração, formando um conjunto de elementos do imaginário infantil cuja dinâmica e o feitio são determinadas pelo regionalismo, a natureza, o meio ambiente e a rotina doméstica. Os brinquedos populares paraibanos mais conhecidos são: os carrinhos de madeira e de lata, as bonecas de pano, bonecos de barro e de madeira, mobiliário, bola de meia, bola de gude, peteca, pipa, pião, patinete, ossinho, carrosséis, mané gostoso, tabuleiros de jogos, entre outros.

Na confecção podemos encontrar Mestres, artesãos individuais e coletivos de produção em todas as regiões da Paraíba com destaque para a grande João Pessoa, Itabaiana, Campina Grande e Esperança. Os brinquedos produzidos artesanalmente são exemplo de como podemos estimular na criança, desde cedo, o amor pelo folclore de sua terra e a valorização dos artesãos. A aquisição dos brinquedos estimula, na sociedade, o equilíbrio entre o tradicional e o contemporâneo, gera desenvolvimento sustentável já que dissemina a responsabilidade social, o crescimento da economia local e a preservação ecológica.

Ana Celia Macedo
Bacharela em Comunicação Social, pela Uninassau João Pessoa (PB). É Jornalista especializada em Turismo e membro da Associação Brasileira de Jornalistas e Escritores de Turismo seccional Paraíba (Abrajet PB). Durante sete anos foi editora do site de Comunicação para o Turismo, O Concierge, por onde também lançou a revista com o mesmo nome e idealizou e produziu o Fórum Estratégias Inteligentes para um Turismo Ágil (Eita). Adora contar histórias, viajar e escrever sobre suas experiências de viagens dentro e fora do Brasil e por causa disso criou o blog Minuto Turismo, onde também escreve sobre economia criativa, produção associada ao Turismo e sua cadeia produtiva. Simultaneamente, Ana Célia atua como assessora de imprensa e de comunicação, bem como na produção intelectual, escrevendo textos para livros e revistas, blogs, sites, e-books, podcasts, spots, palestras, copy, cursos on-line, projetos e relatórios. Comprometida com a transformação social e espiritual do ser humano, ano passado, se tornou graduanda em Teologia na Faculdade Internacional Cidade Viva João Pessoa (PB). Contato: ana@minutoturismo.com.br

Deixe um comentário