NewsTurismo

Grupo GOL Smiles anuncia adesão ao Pacto Global da ONU e reforça seu compromisso com a diversidade e inclusão

O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira (27) em painel durante o 12º Fórum Global de Direitos Humanos e Empresas, em Genebra, com a presença de Felipe Sobrinho, gerente de ESG da GOL

Felipe Sobrinho assinou na manhã de hoje (27), em Genebra, a adesão do Grupo GOL Smiles ao Pacto Global da ONU; à esq., Ana Bavon, CEO da B4Peole e consultora de ESG do Grupo, e, à dir., Camila Valverde, diretora de Impacto do Pacto Global da ONU no Brasil (Foto: Divulgação)

O Grupo GOL Smiles participa do 12º Fórum Global de Direitos Humanos e Empresas, que acontece entre hoje, segunda-feira (27), e o dia 29 em Genebra, na Suíça, onde anunciou sua adesão ao Pacto Global da ONU, uma convocação para que empresas do mundo todo alinhem suas operações e estratégias a dez princípios universais nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e anticorrupção. Na ocasião, o Grupo GOL Smiles, que reúne as marcas GOL, Smiles, Smiles Viagens, VoeBiz, GOLLOG e GOL Aerotech, também se afirmou embaixador do movimento Raça é Prioridade, que integra a Estratégia Ambição 2030 do Pacto Global da ONU no Brasil.

Ambos os anúncios foram feitos por Felipe Sobrinho, gerente de ESG da GOL, durante o painel “Acelerando os objetivos de desenvolvimento sustentável: diversidade e inclusão com prioridade“, apresentado na manhã de hoje (27) em Genebra. Assim, o Grupo GOL Smiles reitera seu compromisso de legitimar planos efetivos para aprimorar a inclusão e a visibilidade de grupos sub-representados. O painel foi mediado por Ana Bavon, CEO e head de Estratégia da B4People – Cultura Inclusiva, além de consultora de ESG do Grupo GOL Smiles.

“Os direitos humanos tomam uma extensão imensurável do que se compreende pelo ‘S’ do ESG (Environmental, Social, Governance), e a diversidade e inclusão é um de seus pilares, envolvendo subtemas como refúgio, acessibilidade, etarismo, raça, gênero e LGBT+. Com signatários do Pacto Global da ONU e embaixadores do movimento Raça é Prioridade, reforçamos nosso papel de agentes de transformação, e não pouparemos esforços para sermos uma empresa cada vez mais diversa e inclusiva. Lembramos que a diversidade desde sempre faz parte do DNA da GOL, que nasceu em 2001 com o propósito de Ser a Primeira para Todos – seja para os Clientes que a escolhem para voar, seja para seus Colaboradores, o Time de Águias”, afirmou Felipe Sobrinho, gerente de ESG da GOL e diretor executivo do Instituto GOL.

Durante o painel em Genebra, Sobrinho adiantou ao público presente números do mais recente censo interno realizado pela empresa, que revelam: 40% dos Colaboradores da GOL se dizem negros e pardos, um percentual maior do que apresentou o Relatório de Sustentabilidade de 2022, que foi de 33%.

Além de inúmeras iniciativas ligadas à acessibilidade, a GOL possui o projeto Asas à Transformação, que consiste na estruturação de Grupos de Afinidade, abrangendo cinco temas: Gerações (Todos a Bordo); LGBT+ (We Pride); Equidade de Gênero (Elas Decolam); Acessibilidade (Voo Livre); e Equidade Racial (Cores e Elos), com rodas de conversa, letramentos e discussões de assuntos ligados aos diferentes conteúdos. O objetivo é aprofundar o conhecimento sobre o perfil dos Colaboradores e criar planos de ação efetivos para a inclusão e a representatividade.

Estratégia Ambição 2030 chega a 10 movimentos

Em 2020, com a emergência sanitária causada pela Covid-19, associada à crise climática, o Pacto Global da ONU no Brasil apresentou a Estratégia Ambição 2030, formada por movimentos que buscam acelerar o alcance dos ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável). A Ambição 2030 é uma conclamação às empresas para que reconheçam a urgência e a necessidade de promover ações concretas, com metas mensuráveis e compromissos públicos.

Até o momento, há 9 movimentos em ação: +Água, Ambição Net Zero, Conexão Circular, Elas Lideram 2030, Raça é Prioridade, Mente em Foco, Salário Digno, Transparência 100% e Impacto Amazônia – movimentos alinhados com os princípios que guiaram a criação do Pacto Global da ONU: Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Anticorrupção. Na próxima quarta-feira, dia 29, durante o Fórum em Genebra, será lançado o 10º movimento, Educa2030.

“Com a adesão ao Pacto Global da ONU, o Grupo GOL Smiles passa a integrar os 10 movimentos que compõem a Estratégia Ambição 2030, com o compromisso de prestar contas dos resultados em cada um dos 10 temas, o que nos impulsiona a revisitar e aprimorar alguns pontos de toda a materialidade hoje em curso na empresa. Além do mais, todas as ações que constam do Relatório de Sustentabilidade da GOL passam a atender os 17 ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) do Pacto Global da ONU”, explicou Jean Carlo Nogueira, Chief People Officer (CPO) e diretor de ESG da GOL, e presidente do Instituto GOL.

“A educação é o pilar para se criar um ambiente seguro e pautado pelo respeito”, acredita Felipe Sobrinho, que é também diretor executivo do Instituto GOL, responsável pelas ações de responsabilidade social da empresa. Presidido por Jean Carlo Nogueira, o Instituto GOL lançou no último mês de outubro um novo edital para a seleção de 20 organizações da sociedade civil, associações e fundações ligadas à educação, a serem apoiadas a partir de março de 2024 nos pilares da alfabetização, do ensino técnico profissionalizante e da diversidade, equidade e inclusão.

GOL

Ana Celia Macedo
Ana Célia Macêdo é bacharela em Comunicação Social, com habilitação em jornalismo, pela Uninassau João Pessoa (PB) e Teóloga pela Faculdade Internacional Cidade Viva (PB). É membro da Abrajet e da API. Por sete anos foi editora do site de Comunicação para o Turismo e revista O Concierge. Também idealizou e produziu o Fórum Estratégias Inteligentes para um Turismo Ágil (Eita). Ana Célia, adora contar histórias, viajar e escrever sobre suas experiências de viagens dentro e fora do Brasil e por causa disso criou o blog Minuto Turismo, onde também escreve sobre sustentabilidade, economia criativa, produção associada ao Turismo e sua cadeia produtiva. Simultaneamente, a jornalista atua como assessora de imprensa, bem como desempenha atividades de produção intelectual. Ela é pesquisadora no campo da inovação para o Turismo, seu projeto Guias de Turismo em Rede, foi selecionado para participar do Incoday, junto a outras 13 ideias de projetos de pesquisa e desenvolvimento em colaboração, do Brasil e exterior. O Projeto, ou seja, a plataforma “We Guide” (Solução para contratação do serviço do guia de turismo), também foi selecionada para compor as 12 startups iniciais do Parque Tecnológico Horizontes de Inovação em João Pessoa na Paraíba. Contato: ana@minutoturismo.com.br

Deixe um comentário