Outono chegou: veja atrações na Serra Fluminense para aproveitar a estação

O outono chegou e, com isso, temperaturas mais amenas e o convite ideal para subir a Serra e aproveitar a natureza, o frio e as outras atrações que as cidades fluminenses da região têm para oferecer. Confira algumas opções de passeios e atrações para aproveitar durante a estação:

Fazendas produtoras de cerveja artesanal. A região da Serra Fluminense tem se destacado na produção de cervejas artesanais de qualidade. Casa da primeira cerveja do país, Petrópolis é conhecida pela produção da bebida. As mais de 8 fábricas e mais de 20 marcas locais ajudaram a cidade a ser reconhecida como a Capital Estadual da Cerveja.

Em Teresópolis funcionam as cervejarias Mad Brew, Kanton Bier, St. Gallen, além do Grupo Petrópolis. A paixão pela cerveja não precisa se limitar aos passeios: quem se hospeda no Le Canton, além do conforto de um resort, pode experimentar o rótulo Le Canton Alegria que foi desenvolvido pelo mestre cervejeiro Ubirajara Petrillo Grasso Gomes em parceria com a MAD Brew. A bebida segue uma receita clássica de Pilsen Alemã e está disponível para consumo dentro dos bares e restaurantes do complexo hoteleiro.

Já em Nova Friburgo, o hotel Parador Lumiar, hotel inserido na natureza da região e parte do guia Roteiros de Charme, oferece gastronomia premiada harmonizada com o chope Barão Bier, de Friburgo, e a cerveja Alpendorf, de Teresópolis. Além disso, o empreendimento está a apenas 10 minutos do bar da cervejaria Ranz, na praça principal do distrito. Lá é possível experimentar alguns dos 10 tipos de cerveja que eles produzem em espaços internos e externos.

Vinícolas. A Serra Fluminense também conta com vinícolas que produzem vinhos de qualidade. A Vinícola Inconfidência, pioneira no Estado, oferece degustações da bebida e tours pelos vinhedos. Atualmente conta com aproximadamente 22 mil parreiras plantadas, das quais cerca de 14 mil já são produtivas, 6 mil deverão entrar em período produtivo a partir de 2021 e as demais são ainda muito jovens. As visitas são feitas em grupos de 20 pessoas e duram em torno de 20/25 minutos e nelas são apresentadas as parreiras, os tipos de uvas e algumas curiosidades.

Parque Nacional da Serra dos Órgãos. O Parque Nacional da Serra dos Órgãos é um dos principais destinos de ecoturismo na região. Com trilhas de diferentes níveis de dificuldade, é possível explorar a natureza exuberante da região e se encantar com as belas paisagens. O Ecoturismo é o ponto alto de Teresópolis, a capital nacional do montanhismo. São mais de cem picos famosos mundialmente na Serra dos Órgãos, como a Pedra do Sino, que chega a 2.263m. O Dedo de Deus é outra conhecida. Ela foi uma das grandes conquistas do alpinismo brasileiro, no início do século passado. A montanha era cobiçada por diversos alpinistas estrangeiros que tentaram, sem sucesso, alcançar o cume desde o início do Sec. XX, mas foi um grupo de moradores de Teresópolis que conseguiu chegar ao cume em 1912.

Para unir toda essa conexão com o verde, o Hotel Rosa dos Ventos, em Teresópolis, é uma ótima opção: são mais de 10 km de trilhas dentro da propriedade, com picos que chegam a 1.400m de altitude. Além disso, o hotel conta com sauna, restaurantes de comida internacional e uma bela vista para a Serra dos Órgãos.

Petrópolis também reúne atrações de ecoturismo e gastronomia, que se espalham também entre seus distritos. Itaipava é um deles. A região é famosa pelos seus hotéis de luxo em meio à Mata Atlântica. Com 90 milm2 de verde, o Les Roches oferece a síntese da região: conforto, muita natureza e restaurante com comida contemporânea internacional. Uma seleção de vinhos de 10 países, em adega climatizada, complementa os prazeres da mesa.

Centro Histórico de Petrópolis. Patrimônio Histórico, as ruas do Centro de Petrópolis foram verdadeiras testemunhas dos tempos imperiais do Brasil. Em trajetos que não passam de 15 minutos de caminhadas, é possível conhecer o Palácio de Cristal, presente de Conde D’eu para a Princesa Isabel, o Museu Imperial (antiga casa de D. Pedro), a Catedral neogótica de São Pedro de Alcântara, os casarões e palacetes da Avenida Koeler, entre outras atrações. Muito além, a cidade também tem atrações além da época do Império. A casa de Santos Dumont, o Museu de Cera, o Relógio das Flores são alguns dos pontos que podem ser acessados a pé. Já o Palácio Quitandinha, um prédio histórico que já foi um dos maiores cassinos da América Latina, é mais distante, mas fica bem na entrada (ou saída) da cidade. Vale a parada.

Para se sentir dentro da história, uma opção de hospedagem é o Solar do Império, hotel parte da Roteiros de Charme, localizado em um casarão histórico na Avenida Koeler. Além de ser uma atração histórica por si só, o hotel oferece, além de uma gastronomia de primeira qualidade, 24 suítes, SPA com piscina ao ar livre e piscina aquecida e coberta, saunas seca e a vapor, banheiras de hidromassagem, equipamentos de fitness e salas de massagem

Compartilhe:

WhatsApp
Facebook
Telegram
Email
X
LinkedIn

Deixe um comentário

Área reservada para anuncio

378 x 296
🎙️MinutoCast